APOIAR, ainda é uma maneira ELEGANTE de tratar o outro



 (Texto: Mirtzi Lima Ribeiro)

OBSERVEI quantas pessoas saíram e/ou me bloquearam no círculo de "amizades" no facebook por causa de postagens que direta ou indiretamente tocavam posições político-partidárias. E minhas postagens têm alto nível de teor.

Elas deixaram de nos prestigiar em publicações e até mesmo "descurtiram" a página que assino que não possui nenhum resquício de tema político partidário (as descurtidas na minha página nos mais recentes meses coincidiram em número e época da saída do perfil pessoal). Isso foi feito por colegas de trabalho, ex-alunos (as) e até familiares.

***A questão SAI do âmbito das ideias e entra no campo PESSOAL, o que é NOCIVO e incivilizado.***

Eu já bloqueei pessoas, mas APENAS e tão somente, porque o nível da argumentação não existia, se circunscrevendo a xingamentos desmedidos, desrespeitosos e direcionados à pessoa em si e não ao teor da publicação, somada à falta de decoro e educação. Apenas nesses casos (raros) e nesse nível, realmente, não dava para ter no rol de “amigos” para estar em eterna e horrenda discórdia.
Fora esse nível de anomalia, eu SEMPRE entendi que PENSAR DIFERENTE fosse algo RICO, tão pródigo e belo quanto é a VARIEDADE de sabores, cores, aromas que estão à nossa disposição na natureza. Deus nos deu a diversidade para que aprendêssemos com ela. Ao longo da vida sempre convivi com interesses difusos de modo educado e cordial. Isso é civilidade.

A diversidade é BELA QUANDO conseguimos conviver com os interesses divergentes de modo CIVILIZADO, com RESPEITO, com ACEITAÇÃO do outro, sem querer IMPOR pontos de vista ou EXIGINDO que todos venham a pensar de modo igual. Não... não é assim que funciona.

As pessoas pensam diferente e isso é natural e proveitoso, porque quando dois pensamentos diferentes se "FALAM", algo NOVO ou uma nova concepção poderá surgir nisso. Essa CONSTRUÇÃO ocorre quando há diálogo franco, sincero, cordial, respeitoso. E dela, surgem as grandes ideias que unem e congregam os aspectos que melhor traduzem as necessidades e anseios das pessoas envolvidas.
Se as pessoas que “boicotam” pensam que sua ausência irá ferir ou reduzir nosso ânimo e combate àquilo que é ignóbil ou ilógico, não, nosso discernimento não irá se calar nem esmorecer. Ao contrário: indicará que o que falamos é, não só plausível, quanto válido e validável.

A essa altura da vida (mais de meio século), não é a intransigência de alguns que funcionará como vetor dos nossos pensamentos, cuja mente sempre procurou se manter de modo independente e seguindo aquilo que é coerente com a VIDA, com o interesse do outro, com o foco naquilo que é melhor para a maior parte dos envolvidos.
APOIAR, ainda é uma maneira ELEGANTE de tratar o outro, de validar seus esforços, de acenar com um "bacana, você tem um posicionamento interessante"... não é dizer que concorda com 100% com o que o outro indica.

A INTERAÇÃO ou influência MÚTUA sempre existirá porque quando duas ou mais pessoas convivem, porque elas tendem a aprender entre si e com isso, se transformam entre si. É um processo de assimilação e transformação mútua, do mesmo modo que as substâncias químicas que ao interagirem, poderão se transformar em outra substância nova, AGREGANDO uns dos outros, aqueles elementos necessários para uma NOVA CONSTRUÇÃO.





Comentários


Comentar


Sidebar Menu