Traição - Marcos Pires



 Adultério é o que liga três pessoas sem uma delas saber, né? Obvio que a traição não acontece de forma planejada; ninguém acorda um dia e decide simplesmente que vai trair. Ninguém tropeça na rua em um órgão sexual.

Mas quem trai teme ser descoberto. Um amigo um dia chegou em casa mais cedo e deparou-se com a esposa afiando uma enorme faca para descamar um peixe. Naquele momento decidiu que jamais trairia novamente sua rainha do lar.

Tem as revelações. Um advogado que conheço, muito romântico, levou uma trouxa de roupas à casa da namorada para que ela lavasse. “-Tá pensando que eu sou sua esposa, queridinho?”.

A sinceridade de uma amiga me surpreendeu quando eu lhe perguntei se traia: “- Mas é cada uma, se já está difícil arranjar quem me queira, imagine conseguir dois para poder trair”.

Na verdade, trair é fácil. Se Eva traiu quando só existiam frutas, imagina hoje com celular, internet e automóvel. O duro são as consequências. Porque só idiotas perdoam traições; é mais ou menos como usar a dentadura dos outros. Conheço um cidadão que estava super bem acomodado na casa da namorada quando a esposa tocou a campainha da porta. De cuecas ele foi atender e acabou-se o mundo. Perguntei a ele por que abrira a porta e ele me confessou que pensou tratar-se do entregador de pizza. Pausou a conversa, suspirou e confessou: “- O pior é que depois eu me lembrei que não havia encomendado nenhuma pizza”.

Fui apresentado a um senhor já bem idoso que decidiu ser feliz e engatou um namoro com uma jovem 40 anos mais nova. Eu perguntei a ele como garantiria a fidelidade da moça. Deu uma gargalhada e ensinou: “- Comprei um carro bacana em 60 prestações para a bichinha, se bem que eu poderia comprar à vista. Toda vez que ela começa a se esconder de mim eu atraso a prestação. Dias depois a linda me liga apavorada com o oficial de justiça na porta já executando a busca e apreensão que o banco determinou. Tudo certo, ela volta ao nosso amor e eu atualizo as prestações”.

A galega Marilyn Monroe dizia que maridos são bons amantes, principalmente quando estão traindo as esposas. Já um amigo matuto e sábio me ensinou que nenhuma escapada vale o aperreio depois. Sei não, viu? Se eu tivesse coragem de testar… .





Comentários


Comentar


Sidebar Menu