O roubo já existia desde a época dos militares - Francis Lopes de Mendonça




Muitos pensam que as Forças Armadas deste país são uma ilha suspensa de credibilidade e moralidade. Mas poucos sabem que os milicos são outros derrotados cujos governos, além de já terem metido a mão no dinheiro da nação tanto ou mais que os partidos políticos com o mensalão e o petrolão juntos, foram responsáveis também até pelo desmantelamento da malha ferroviária do Brasil, que já foi dez vezes maior do que é agora antes dos milicos chegarem ao poder.Desativaram quilômetros e mais quilômetros de ferrovias, no que foram seguidos por todos que sucederam os milicos, inclusive o muambeiro do Lula.

Realmente, o que falta neste país, além de muita vergonha na cara, é memória. Pois essa prática de meter a mão no dinheiro do povo também vem desde os governos militares, que desviavam percentagens para os bolsos, sendo que depois os partidos políticos passaram a aprimorar os esquemas de falcatruas e desvios.

O caso de Zé Dirceu do PT e Zé Serra do PSDB é emblemático. Ambos enfrentaram a ditadura e fizeram pós-graduação em corrupção com treinamento nos porões dos cárceres totalitários, de onde saíram pós graduados e agora puseram em prática as técnicas de ladroagem que aprenderam com seus algozes, os corruptos e corruptores da falsa revolução do golpe militar de março de 64.

Os dois foram coleguinhas de esquerdismo festivo da década de 60 e calçavam o mesmo número, 40, sendo que ambos resolveram roubar o povo de forma diferente. Essa é a verdade.




Comentários


Comentar


Sidebar Menu